O que deve saber sobre os microcréditos?

Quem contrai um empréstimo, não tem apenas deveres, mas também direitos. Deve estar informado sobre os mesmos, se estiver interessado num crédito. A legislação contém disposições claras sobre a concessão de crédito, as opções de reembolso e a isenção do pagamento de taxas.

O que é um microcrédito?

O microcrédito visa ajudar a superar dificuldades financeiras temporárias, fazer face a circunstâncias novas da vida ou concretizar planos pessoais. Regra geral, um crédito é reembolsado mensalmente, recebendo o mutuante juros pelo dinheiro emprestado. Os microcréditos são com frequência também designados de crédito ao consumo, crédito pessoal, empréstimo ou crédito em numerário.

Obrigação de informação aquando do pedido de crédito

Para poder garantir a concessão de um empréstimo responsável, o mutuante tem de assegurar que possui todos os dados importantes sobre si, a sua situação financeira, os seus rendimentos e a sua ocupação profissional. Por isso, além do seu rendimento, património e obrigações existentes, interessa-nos saber também o valor da sua renda, os impostos devidos e outras despesas fixas.

Com base nestes dados é apurada a viabilidade e a capacidade de reembolso do microcrédito. O mutuante avalia, assim, a solvabilidade (capacidade creditícia e solidez financeira) do requerente, o que por sua vez pode influenciar o nível da taxa de juro.

Montante máximo de empréstimo

Nos termos da lei federal suíça sobre crédito ao consumo (KKG) , um mutuante só pode conceder crédito, se o mutuário estiver em condições de pagar o montante de empréstimo no espaço de 36 meses. Esta disposição legal destina-se a proteger os consumidores contra sobre-endividamento e créditos contraídos de forma menos ponderada. Esta lei também se aplica a cartões de crédito, cartões de compras, contratos de leasing e facilidade de descoberto em contas correntes. A base de cálculo de 36 meses também é decisiva nos casos em que o prazo de empréstimo efetivo seja negociado por um período superior a 36 meses. No caso de prazos mais curtos, verifica-se se o mutuário consegue suportar o esforço financeiro mensal. O CREDIT-now disponibiliza créditos com prazos entre os 6 e os 84 meses.

Prestações de reembolso

Em princípio não deve escolher prestações de reembolso do seu microcrédito demasiado altas. Pois se não conseguir pagar a prestação, podem ser exigidos juros de mora. Para evitar esta situação, o CREDIT-now Classic oferece a possibilidade de adiar o pagamento da prestação, sem encargos, 2 vezes durante o prazo do empréstimo. Independentemente disto, o mutuário tem o direito de efetuar reembolsos superiores aos acordados sempre que assim o deseje.

Período de reflexão legal aplicável ao crédito

Nos termos da lei, o mutuário tem de aguardar 14 dias pelo pagamento do montante de crédito. Durante este período, o mutuário tem o direito de retratação do contrato de crédito sem pagamento de juros, mesmo que o contrato já tenha sido assinado. Este período de reflexão visa proteger o mutuário e impedir a contração de empréstimos de forma imprudente. Se um mutuante lhe prometer um crédito imediato ou super-rápido, sem período de reflexão, acautele-se.

Rescisão durante a vigência do contrato

Ao contrário de um contrato de hipoteca ou de leasing, o reembolso antecipado de um crédito pode ser realizado em qualquer momento. Sempre que desejado, o mutuante apresenta ao mutuário o montante de liquidação final. O montante pago antecipadamente não está sujeito ao pagamento de juros. Além disso, o CREDIT-now Classic oferece uma outra opção de reembolso.

Isenção de taxas garantida

Nos termos da lei federal suíça sobre crédito ao consumo (KKG), aos serviços de consultoria e intermediação não podem ser aplicadas taxas. No BANK-now não cobramos taxas escondidas nem comissões.

Flexibilidade dos créditos

Com o CREDIT-now Flex acorda, no início do contrato, um limite máximo de crédito. Dentro deste limite de crédito pode utilizar e reembolsar de forma flexível dinheiro sem ter de esperar. Os juros só são cobrados sobre o montante efetivamente concedido em crédito. Consulte mais informações aqui.

O artigo ajudou-o?

Dados inválidos ou incompletos

Todos os campos a amarelo têm de ser preenchidos.